Muito mais que "simplesmente… Vinho" no Porto 

Bilhete diário de ingresso no jardim da Casa Cor de Rosa/FAUP, tem o custo de 20 euros e inclui copo e catálogo oficiais da exposição de Arquitetura e instalação de "Entre Mito e Fábula, a Arte no Bosque". Pela primeira vez, há um bilhete para os três dias, ao preço de 45 euros.

A 10.ª edição do "simplesmente... Vinho", único certame português de vinhos, petiscos, arte e música, decorre no jardim da Casa Cor de Rosa da Faculdade de Arquitetura do Porto (FAUP), nos dias 1 a 3 de julho, com a participação de 100+1 "vignerons".

O "simplesmente... Vinho", assim escrito de acordo com o grafismo da organização, é um salão alternativo, que tem vindo a ganhar expressão e registar gradual adesão do público e dos pequenos produtores.

Este tipo de certame é uma excelente oportunidade para conhecer vinhos diferentes, fora da caixa, para usar uma designação muito em moda, e trocar impressões com os "vignerons", produtores artesanais, muitas vezes biológico ou biodinâmico, que fazem de tudo: na vinha, na adega, no marketing e comercialização, dando a cara pelos seus vinhos] .

Essas mostras, designadas "salão off", giram em torno de uma ideia comum, que tanto pode ser uma região, um modo de trabalhar (biológico, biodinâmico), um tipo de vinho (espumantes, vinhos doces).

O "vigneron" está presente e dá a cara pelo que faz, partilha a emoção sentida quando o seu vinho é provado. O traço comum é a ligação à terra, às castas locais, a uma enologia competente, mas com raízes na tradição.

Este ano, o "simplesmente... Vinho", regista a presença de 91 "vignerons" de Portugal e dez de Espanha, incluindo o convidado especial Resistência Viticulturista, da península de Morrazo, que apresenta a Tinta Femea atlântica.

Exposições, música e petiscos

Os belíssimos jardins da Casa Cor de Rosa, com esplêndida vista para o rio Douro, acolhem igualmente a exposição "Paisagem e Arquitectura: da Vinha e do Vinho", organizada pela FAUP; a mostra de arte "Entre Mito e Fábula; a Arte no Bosque" com curadoria de Karl Own.

A música marcará o ritmo de momentos descontraídos, em que é possível saborear um petisco, a partir das 16 horas de sexta-feira e de sábado nos espaços ocupados por dois restaurantes: Delicatum (Braga) e Forneria de S. Pedro (Afurada e Póvoa de Varzim),.

Este ano, há uma novidade: o "brunch" dominical (entre as 12 e as 14 horas, mediante reserva) é confecionado com produtos 100% biológicos. «É uma homenagem aos produtores e produtos frescos de todo o Portugal», sublinha o organizador João Roseira.

O habitual jantar pop-up está marcado para as 21h30 de sexta-feira (dia 1 de julho) no restaurante Semea by Euskalduna e tem assinatura do chef Vasco Coelho Santos. Reservas: geral@semeabyeuskalduna.pt ou telemóvel 938 566 766.

Ingressos e horário

O bilhete diário de ingresso no jardim da Casa Cor de Rosa/FAUP, na Via Panorâmica Edgar Cardoso 215, 4150-564 Porto, tem o custo de 20 euros e inclui copo e catálogo oficiais da exposição de Arquitetura e instalação de "Entre Mito e Fábula, a Arte no Bosque".

Pela primeira vez, há um bilhete para os três dias, ao preço de 45 euros.

Na sexta-feira (dia 11 de julho) e no sábado (dia 2 de julho), as portas abrem às 15h00 e encerram às 20h00.

No domingo (dia 3 de julho), o período de abertura decorre entre as 12h00 e as 17h00.

Bilhete diário, 20 euros, inclui copo e catálogo oficiais, exposição de Arquitectura, instalação de Entre Mito e Fábula, a Arte no Bosque, apontamentos de música ao vivo ao longo dos três vários dias.

Venda de bilhetes: https://a.beamian.com/#/event/simplesmente-vinho-2022

Mais informações:

info@simplesmentevinho.pt

www.simplesmentevinho.pt

Facebook e Instagram @simplesmentevinho

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de