Quintas de Melgaço: trio amplia escolhas

É um projeto único que nasceu bem a norte e com uma designação - Quintas de Melgaço -- reveladora da forte ligação ao território berço do vinho Alvarinho. O lançamento de três novas referências reforça o leque de propostas de um portefólio que revela a qualidade e consistência do projeto.

O amor à terra onde nasceu, associado ao êxito nos negócios e ao caráter visionário, levaram Amadeu Abílio Lopes, emigrante melgacense no Brasil e empresário de reconhecido sucesso, a lançar um desafio aos conterrâneos na hora do regresso ao rincão natal: a união de pequenos e médios produtores de vinho em torno de um projeto que promovesse o vinho Alvarinho e elevasse a região a patamares de excelência.

Assim nasceu, em traços gerais, um projeto empresarial único em Portugal: a empresa Quintas de Melgaço congrega cerca de 530 associados, empenhados em produzir vinhos de grande qualidade e com uma personalidade vincada, através de métodos que resultam da conjugação dos saberes populares, consolidados através dos tempos, com o conhecimento técnico. Assim são produzidos os vinhos QM, encorpados, robustos, que primam pelo equilíbrio e elegância.

A aposta na casta Alvarinho, um emblema da sub-região de Monção e Melgaço, foi óbvia, pelas condições únicas dos solos, exposição solar e existência de um microclima particularmente favorável.

Para se impor em mercados de reconhecido grau de exigência, caso de Estados Unidos, Alemanha, Canadá, Brasil, Japão e Reino Unido, entre outros, a Quintas de Melgaço, cujos vinhos são conhecidos pela mineralidade e frescura, lançou um trio de novas referências.

Com uvas de uma parcela única com vinhas cuja idade ultrapassa os 30 anos, foi elaborado o QM Alvarinho Vinhas Velhas: um branco que se distingue pela personalidade, aroma intenso e muita frescura. Acidez equilibrada e um final que persiste fazem deste Alvarinho o vinho certo para acompanhar marisco, peixe e carnes brancas.

Ideal para aperitivo é o QM Alvarinho de aroma frutado, com volume e um final de boca prolongado.

Distinguido a nível internacional, casa na perfeição com carne de aves, queijos e enchidos regionais.

Rosé premiado

Medalhado a ouro na 28.ª edição do Concours Mondial de Bruxelles, o QM Rosé 2020 é um "blend" que resulta das castas Alvarinho e Sousa/Vinhão. Apresenta uma cor ligeiramente rosada e notas de frutos vermelhos e cítricos. É um vinho com muita frescura e pujante, exemplo da valia dos rosés atuais e ideal para saborear com saladas, aperitivos, alguns tipos de queijos, massas, mariscos e pratos de peixe.

Para Pedro Soares, administrador da Quintas de Melgaço, «lançar uma nova colheita, como a do QM Rosé, e verificar que a mesma é merecedora de um selo de confiança tão grande, é uma força motivadora enorme para continuarmos a trabalhar com o mesmo carinho e rigor de sempre».

Um projeto que tem vindo a ganhar dimensão sem perda de qualidade; pelo contrário, os prémios conquistados traduzem subida a patamares mais elevados.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de