Tomate coração de boi nas mesas do Douro

A pandemia voltou a inviabilizar a realização em pleno do Concurso Tomate Coração de Boi do Douro, mas não desmotivou os horticultores da região.

Produto de excelência, fruto suculento e carnudo, o tomate coração de boi pode ser apreciado, durante o mês de agosto, à mesa de vários restaurantes do território duriense.

Lançado em 2016, o Concurso Tomate Coração de Boi do Douro mereceu, desde a primeira hora, a adesão das quintas da região e conquistou a atenção dos media e da crítica especializada pela iniciativa, que pretende despertar o interesse dos consumidores pela viagem gastronómica ao terroir de excelência desta variedade de tomate.

A 5.ª edição do concurso foi adiada para 2022, mas a pandemia da Covid 19 não travou ao longo deste ano a determinação dos horticultores da região.

A valorização das tradicionais hortas durienses, no sentido de motivar agricultores e produtores de vinhos a manterem com vida esses espaços de biodiversidade, é um dos objetivos primordiais do concurso.

«A abundância de luz e as grandes amplitudes térmicas típicas da região reforçam as qualidades de textura, sabor e suculência deste fruto carnudo e com poucas sementes», refere Celeste Pereira (Greengrape | Alltodouro) e uma das mentoras da iniciativa, que elege o melhor tomate da temporada.

Entretanto, 16 restaurantes de referência da região apresentam, durante o mês de agosto, nas suas ementas saladas ou pratos especiais confecionados à base dos melhores tomates daquela variedade, produzidos por agricultores do Douro.

Algumas das apelativas sugestões: milhos no pote e costelinhas de javali em vinho tinto; sopa fria de tomate coração de boi, queijo chèvre e pesto do mesmo tomate; tarte de tomate, cebola e orégãos; caldeirada de tamboril, mexilhão e carabineiro.

O tomate coração de boi do Douro, produto de excelência, brilha nas ementas dos restaurantes da região em agosto.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de