Arquitetura portuguesa recebe prémio internacional

O Centro de Alto Rendimento de Remo do Pocinho, projeto de Álvaro Fernandes Andrade (spacialAR-TE), arquiteto e docente da Faculdade de Arquitetura da Universidade do Porto (FAUP), conseguiu o primeiro lugar da categoria de "Novas Edificações" do prémio internacional ECOLA.

Citado pela FAUP, o júri destacou "a elegância da forma no modo como o desenho integra a paisagem", referindo ainda que "a composição formula-se na quantidade exata de formas geométricas permanecendo 'subtil'".

Criado em 2000 na Alemanha, o ECOLA (sigla para European Conference of Leading Architects) combina um concurso de arquitetura internacional e uma conferência. O prémio é atribuído de dois em dois anos em duas categorias: "Remodelação, Renovação e Reconversão" e "Novas Edificações".

A cerimónia de atribuição do prémio vai decorrer a 26 de setembro, em Inglaterra, no âmbito da Conferência ECOLA 2015. Estiveram a concurso 150 projetos oriundos de 13 países.

O projeto para o Centro de Alto Rendimento de Remo do Pocinho tinha já recebido uma menção especial nos Architizer A+ Awards 2015.

Uma fotogaleria de Ana António. Fotos publicadas por cortesia de João Morgado e Fernando Guerra | FG+SG.

Continuar a ler