Portugal suspende voos de e para Moçambique a partir de segunda-feira

Já a partir deste sábado, todos os passageiros provenientes de Moçambique, África do Sul, Botsuana, Essuatíni, Lesoto, Namíbia e Zimbabué ficam obrigados a quarentena de 14 dias.

PorGonçalo Teles
© Leonel de Castro/Global Imagens

O Ministério da Administração Interna anunciou, esta sexta-feira, a suspensão de todos os voos de e para Moçambique a partir das 00h da próxima segunda-feira.

Já às 00h00 deste sábado, 27 de novembro, todos os passageiros de voos que tenham partido de Moçambique, África do Sul, Botsuana, Essuatíni, Lesoto, Namíbia e Zimbabué "ficam obrigados a cumprir uma quarentena de 14 dias após a entrada em Portugal continental, no domicílio ou em local indicado pelas autoridades de saúde".

Estas medidas surgem, explica a tutela, no âmbito das medidas de combate à Covid-19 e a quarentena obrigatória de 14 dias aplica-se ainda aos cidadãos que entrem em território português e tenham saído de um destes sete países nos 14 dias antes da chegada a Portugal.

Na tarde desta sexta-feira, a União Europeia decidiu suspender temporariamente os voos de sete países da África Austral, incluindo Moçambique, devido à identificação de uma variante do coronavírus, causador da Covid-19, na África do Sul, altamente mutante.

LEIA AQUI TUDO SOBRE A PANDEMIA DE COVID-19

Relacionados

Veja Também

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG