Uma autarca algarvia no topo da mesa

Isilda Gomes estreia-se na presidência de uma das comissões do Comité Europeu das Regiões.

PorNuno Domingues
© André Vidigal/Global Imagens (arquivo)

A presidente socialista da câmara de Portimão é a primeira mulher portuguesa a dirigir uma das seis comissões especializada do Comité das Regiões, um órgão que junta autarcas e dirigentes regionais dos 27 países membros da União Europeia.

Isilda Gomes é a primeira mulher portuguesa a presidir a uma das comissões.

Your browser doesn’t support HTML5 audio

Isilda Gomes acredita que o comité das regiões pode fazer a diferença em muitas políticas que são elaboradas em Bruxelas.

No comité das regiões, a maior parte dos membros são dirigentes regionais, porque a generalidade dos países já está regionalizado.

A NAT dedica-se a temas como a agricultura, a proteção civil, as pescas, as florestas, a saúde ou o turismo.

Your browser doesn’t support HTML5 audio

Em Portugal, ainda estamos na fase de descentralização dos poderes do estado central para as autarquias, mas a autarca de Portimão considera que é inevitável avançar para a criação de regiões.

"Conseguimos ver claramente a diferença entre os países que já têm regiões e os que não têm."

Your browser doesn’t support HTML5 audio

Isilda Gomes foi eleita presidente da comissão de Recursos Naturais (NAT) e vai desempenhar o cargo nos próximos dois anos e meio.

A comissão trata de temas relacionados como o desenvolvimento rural, a saúde, a agricultura, a silvicultura, as pescas, a proteção civil, a defesa do consumidor e o turismo.

A primeira reunião realiza-se esta quarta-feira, em Bruxelas, e vai discutir propostas relacionadas com a informação geográfica, a segurança alimentar e pequenas zonas rurais.

Relacionados

Veja Também

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG