Ator Danny Aiello morreu aos 86 anos

Nova-iorquino apareceu em vários grandes êxitos nos anos 70 e 80, entre os quais "O Padrinho" (parte II), "Era uma vez na América" e "A Rosa Púrpura do Cairo".

Danny Aiello morreu na noite de quinta-feira numa clínica em Nova Jersey, nos Estados Unidos, onde estava a ser tratado a uma doença súbita, segundo este site especializado em notícias de famosos. Ator secundário chave durante os anos 70 e 80, o ator nova-iorquino apareceu em vários grandes êxitos nessas décadas, entre os quais "O Padrinho" (parte II), "Era uma vez na América", "A Rosa Púrpura do Cairo" e o "Feitiço da Lua".

Em 1989, interpretou aquele que viria a ser o seu papel mais recordado, ao dar vida ao dono de uma pizzaria em "Faz o Que é Certo", a icónica fita de Spike Lee que retrata as tensões raciais da época num bairro de Brooklyn.

Este desempenho valeu a Aiello nomeações ao Óscar e ao Globo de Ouro para Melhor Ator Secundário e numerosos prémios da crítica. O ator também passou pela televisão e teatro, ao participar em várias obras da Broadway durante a sua longa carreira.

Aiello também aparece no vídeo que acompanha o êxito musical "Papa Don't Preach", que Madonna editou em 1986. O ator estava casado desde 1955 com Sandy Cohen, com quem teve quatro filhos.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de