Aumenta para 16 o número de mortos da derrocada de um prédio no Paquistão

Há ainda sete pessoas desaparecidas. Elementos do Exército paquistanês encontram-se no local em colaboração com as equipas de socorro.

O balanço provisório de vítimas da derrocada de um prédio no Paquistão aumentou para 16 mortos e 22 feridos, depois de terem sido encontrados cinco cadáveres nos escombros, disseram fontes oficiais. Há ainda sete pessoas que se encontram desaparecidas.

O novo balanço foi comunicado pelos serviços de saúde e confirmado por fontes médicas. As primeiras indicações davam conta de 11 mortos e 22 feridos, vítimas da derrocada de um edifício da cidade de Sindh, província de Karachi.

De acordo com os serviços de urbanismo, o prédio tinha alicerces para quatro andares, mas um quinto piso foi construído ilegalmente.

A fraca qualidade dos materiais de construção e o desgaste provocado pelas ruturas nas canalizações estão geralmente na origem das derrocadas de edifícios no Paquistão.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de