Carles Puigdemont apresenta-se voluntariamente às autoridades belgas

Ex-presidente da Generalitat, alvo de novo mandado de detenção europeu, recusa entregar-se à justiça espanhola.

Carles Puigdemont apresentou-se voluntariamente às autoridades belgas em Bruxelas esta sexta-feira, em resposta ao novo mandado de detenção europeu emitido pelo Supremo Tribunal de Espanha.

Acompanhado dos seus advogados, o ex-presidente da Generalitat compareceu às 9h00 (8h00 em Lisboa) nas dependências judiciais de Bruxelas, avança o El Mundo.

Em comunicado, Puigdemont explica que foi notificado pelas autoridades sobre o novo mandado e apresenta-se às autoridades, mas não pretende entregar-se à justiça espanhola.

O Supremo Tribunal de Espanha emitiu, esta segunda-feira, um mandado de detenção europeu para o antigo líder do governo regional da Catalunha, após ter sido conhecida a condenação dos principais políticos catalães independentistas.

Puigdemont fugiu para a Bélgica em 2017, antes de ser constituído arguido. Chegou a ser detido pela polícia alemã na fronteira com a Dinamarca, quando viajava de carro para a Bruxelas, mas o Supremo Tribunal espanhol retirou o primeiro mandado de detenção depois de a Alemanha ter recusado a extradição.

ACOMPANHE AQUI AO MINUTO A SITUAÇÃO NA CATALUNHA

Notícia em atualização

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de

Outros Artigos Recomendados