Chuvas torrenciais na Catalunha. Há pelo menos um morto e quatro desaparecidos

Autoridades procuram mãe e filho que foram arrastados pela água. Há ainda mais de 30 mil pessoas que estão sem acesso à luz elétrica, devido à tempestade.

As chuvas torrenciais que atingiram, na última noite, a Catalunha já causaram a morte de pelo menos uma pessoa e o desaparecimento de outras quatro. As operações de busca pelos desaparecidos decorreram durante toda a noite.

A existência de uma vítima mortal foi confirmada, esta manhã, pelos Mossos d'Esquadra, as autoridades policiais catalãs. Um corpo sem vida foi encontrado na praia de Caldes d'Estrac, na provínicia de Barcelona. As autoridades adiantaram que se trata de um homem que foi levado pela água, esta madrugada, na zona de Arenys de Munt.

As quatro pessoas que continuam desaparecidas são uma mãe e um filho, que se encontravam num bangalô pré-fabricado e foram arrastados pela água, em Vilaverd, e outras duas pessoas que se encontravam dentro de um veículo em L'Espluga de Francolí, na província deTarragona.

A imprensa espanhola dá ainda conta de que mais de 30 mil pessoas estão, nesta altura, sem acesso à eletricidade e que há dezenas de estradas cortadas, devido à tempestade.

Em poucas horas, caíram quase 300 litros de água por metro quadrado em algumas zonas da província de Tarragona.

Até às 8h00 locais (7h00 em Lisboa), a Proteção Civil tinha recebido mais de 2.700 chamadas de emergência.

Na sua página de Twitter, o presidente do Governo da Catalunha, Quim Torra, pediu aos cidadãos para tomarem precauções e para seguirem as indicações das autoridades.

O líder catalão dirigiu ainda palavras de apoio às equipas de emergência no terreno e afirmou que os seus pensamentos estão com as famílias dos desaparecidos e todos aqueles que estão a ser afetados pelas cheias.

Também o presidente do Governo espanhol, Pedro Sánchez, disse, no Twitter, estar a seguir com preocupação os acontecimentos na Catalunha e afirmou a sua solidariedade para com as pessoas atingidas pela tempestade.

Notícia em atualização

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de

Outros Artigos Recomendados