Coreia do Sul denuncia disparos de dois mísseis pela Coreia do Norte

Os dois aparelhos foram disparados para o leste, sobre o mar, a partir da região de Wonsan, de acordo com as autoridades sul-coreanas.

As forças armadas sul-coreanas afirmaram que a Coreia do Norte disparoum, esta segunda-feira, dois mísseis não identificados, poucas semanas depois de Pyongyang anunciar o fim da moratória de testes de mísseis balísticos de longo alcance.

"O exército está a monitorizar outros possíveis lançamentos e está pronto", adiantaram as forças armadas sul-coreanas.

O líder norte-coreano, Kim Jong-un, anunciou o fim da moratória dos testes de mísseis balísticos nucleares e intercontinentais no final de dezembro, durante uma reunião de dignitários do partido no poder na Coreia do Norte. Kim ameaçou também demonstrar uma "nova arma estratégica".

As negociações estão num impasse desde a cimeira de fevereiro de 2019, entre o líder norte-coreano, Kim Jong-un, e Donald Trump, que terminou sem acordo e depois de Washington ter rejeitado as exigências de Pyongyang relativas a um abrandamento das sanções económicas em troca de uma "rendição" parcial das capacidades nucleares do Norte.

No final de janeiro, a Coreia do Norte ameaçou acelerar o seu programa de armamento nuclear e procurar "novos caminhos" para defender os seus interesses, perante o impasse nas negociações com os Estados Unidos.

Os EUA exigem que a Coreia do Norte renuncie imediatamente a todo o seu arsenal nuclear, enquanto Pyongyang pede para que seja levantada parte das sanções económicas internacionais, num impasse negocial que dura há vários meses.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de