Dois portugueses eleitos presidentes de secção do Tribunal Geral da UE

Cada Estado-membro nomeia dois juízes.

Dois portugueses estão entre os juízes do Tribunal Geral da União Europeia (UE) para presidentes de secção, com mandato até 31 de agosto de 2022, divulgou esta terça-feira a instituição, em comunicado.

Os juízes portugueses são Ricardo Silva Passos e Maria José Costeira, que irão presidir a uma das secções do TGUE cada no período compreendido entre 30 de setembro de 2019 e 31 de agosto de 2022.

Cada Estado-membro nomeia dois juízes, havendo dez presidentes de secção, além do presidente e do vice-presidente do tribunal.

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de