Erdogan vai encontrar-se com Putin na Rússia para discutir conflito na Síria

Presidente da Turquia aceitou o convite do homólogo russo para discutir a ofensiva de Ancara contra os curdos na Síria "nos próximos dias".

O Presidente russo, Vladimir Putin, convidou o homólogo turco, Recep Tayyip Erdogan, a deslocar-se à Rússia "nos próximos dias", para discutir a ofensiva de Ancara contra os curdos na Síria, anunciou o Kremlin.

"Vladimir Putin convidou Recep Tayyip Erdogan para uma visita de trabalho nos próximos dias. O convite foi aceite", anunciou na terça-feira à noite o Kremlin, em comunicado, após uma conversa telefónica entre os dois Presidentes.

As duas partes enfatizaram "a necessidade de evitar um conflito entre unidades turcas e sírias" no norte da Síria, onde Ancara lançou uma ofensiva na passada quarta-feira, é referido no comunicado.

Durante a conversa, os dois dirigentes sublinharam também o desejo de preservar a integridade territorial da Síria.

Esta quarta-feira, o porta-voz do Kremlin, Dmitri Peskov, disse à agência de notícias Sputnik que a visita de Erdogan poderá ter lugar "antes do final de outubro", sem fornecer mais detalhes.

A ofensiva turca visa afastar do nordeste da Síria as forças curdas das Unidades de Proteção Popular (YPG), aliadas do ocidente na luta contra os 'jihadistas' do grupo Estado Islâmico, mas consideradas como terroristas por Ancara, devido às ligações com o Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK, proibido na Turquia e classificado de terrorista também pelos Estados Unidos e pela União Europeia).

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de

Outros Artigos Recomendados