Há duas zebras à solta perto de Washington D.C.

Dono dos animais que têm feito furor nas redes sociais está a ser acusado de crueldade.

Há já quase dois meses que um par de zebras que está à solta perto da capital norte-americana, Washington D.C., escapa com sucesso às tentativas de captura. Agora, o dono dos animais, que eram originalmente três e fugiram de uma quinta no estado de Maryland, mesmo à saída da cidade, no final de agosto, foi acusado de crueldade.

A terceira zebra foi encontrada morta numa armadilha ilegal em setembro, de acordo com as autoridades de Prince George's County, que têm tentado capturar os animais.

O proprietário das zebras, Jerry Holly, foi acusado esta terça-feira de crueldade contra animais por estas "não terem recebido comida, água ou cuidados veterinários adequados" e estarem em risco de morte, de acordo com documentos do tribunal do condado. Holly tem dezenas de zebras na sua quinta e a armadilha em que um dos animais morreu estava perto da vedação da propriedade, segundo os mesmos documentos.

O tribunal argumenta que os animais representam "um risco para as pessoas que se aproximam deles, e um risco para os condutores nas vias públicas".

Desde a fuga, estas zebras tornaram-se em celebridades locais, são protagonistas de notícias e reúnem a curiosidade dos residentes, que partilham as frequentes aparições nas redes sociais.

Joshua DuBois, um antigo membro da administração Obama da Casa Branca, tweetou em setembro que estava a conduzir a caminho de casa quando o seu filho de seis anos disse calmamente: "Pai, vi as zebras." DuBois virou o carro e filmou os animais enquanto trotavam na berma da estrada.

O plano, até agora infrutífero, para apanhar os animais é usar "comida e outras zebras" para os atrair de volta à quinta.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de