Descoberta fábrica de carros de luxo falsificados no Brasil

A polícia civil de Santa Catarina apreendeu as viaturas que seriam vendidas por vários milhões de euros.

A polícia civil brasileira descobriu hoje uma fábrica de carros de luxo falsificados, das marcas Ferrari e Lamborghini, no município de Itajaí, no Estado de Santa Catarina, tendo apreendido oito réplicas que estavam em processo de montagem.

"Apreendemos diversos chassis, moldes, ferramentas e fibras utilizadas na fabricação clandestina de veículos de luxo no bairro de Itaipava. Os carros, falsificações das marcas Ferrari e Lamborghini, eram montados por encomenda e tinham venda divulgada por meio de redes sociais", anunciou a polícia civil de Santa Catarina na sua página na internet.

De acordo com as autoridades, cada réplica era vendida por valores que variam entre os 180 mil e 250 mil reais (cerca de 43 mil e 59 mil euros), sendo que os modelos originais são vendidos no mercado brasileiro por valores entre 1,5 milhões e três milhões de reais (350 mil e 710 mil euros).

Os donos da fábrica, pai e filho, foram indiciados por crimes contra a propriedade industrial, segundo a lei brasileira.

As investigações começaram depois de representantes das próprias marcas terem entrado em contacto com a Polícia Civil de Santa Catarina, denunciando as suspeitas.

Os donos da fábrica clandestina são considerados pela polícia como os principais falsificadores daquelas marcas italianas no Brasil.

Os veículos eram comercializados por todo o país sul-americano.

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de