João Lourenço reconduziu a maioria do executivo por fazerem parte de "equipa vencedora"

João Lourenço foi reeleito Presidente da República de Angola nas passadas eleições de 24 de agosto e tomou posse na quinta-feira.

O presidente angolano, que hoje empossou os novos membros do seu executivo, disse que reconduziu a maioria porque integraram "uma equipa lutadora e vencedora", encorajando, no início das novas funções, "a trabalhar mais e comunicar melhor".

"Entendi reconduzir grande parte dos que integraram o anterior executivo pelo facto de terem pertencido a uma equipa que foi lutadora, mas sobretudo vencedora", disse João Lourenço no ato de posse dos novos membros do seu executivo, que integra 27 ministros e 18 governadores, um para cada província angolana.

Uma equipa que, prosseguiu o chefe de Estado angolano, "trabalhou no meio de inúmeras adversidades, soube vencê-las, ultrapassá-las e fazer grandes realizações em prol do povo angolano, em prol do nosso país, daí o facto de terem sido premiados com esta recondução".

Aos estreantes, desejou as boas-vindas e "votos de muitos sucessos", instando-os a serem humildes

"Ninguém nasce sabendo tudo, não obstante a formação académica que cada um possa ter. No trabalho aprendemos todos os dias, precisamos de ser humildes em reconhecer que não sabemos tudo. Aprende-se fazendo, cometemos erros e desde que não sejam graves consideramos que são normais para desempenhar com zelo as missões que nos forem incumbidas", salientou João Lourenço.

Neste mandado, o lema é trabalhar mais, comunicar melhor", vincou o chefe do executivo.

"Precisamos começar a trabalhar mais, logo desde o início, para no fim podermos dizer 'missão cumprida, servimos bem o povo e a nação angolana'", disse.

O novo executivo traz apenas cinco novos ministros, incluindo alguns que integravam o anterior governo, mas noutras funções. Mantém também praticamente a mesma estrutura, com exceção da tutela das Pescas e do Ambiente, que antes estavam integradas noutros ministérios e se autonomizaram agora.

João Lourenço foi reeleito Presidente da República nas passadas eleições de 24 de agosto e tomou posse na quinta-feira.

O MPLA, país que governa Angola desde 1975, ganhou, pela quinta vez as eleições, obtendo o pior resultado de sempre, num escrutínio muito disputado e que não foi reconhecido pelos partidos da oposição.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de