Juncker acredita ser possível chegar a acordo para o Brexit sem backstop

Presidente da Comissão Europeia explica que só os resultados da medida lhe interessam, independentemente do instrumento utilizado.

O presidente da Comissão Europeia Jean-Claude Juncker acredita que é possível chegar a um acordo para o Brexit. Em entrevista à Sky News, Juncker acrescentou ainda que o backstop - que o Governo britânico quer remover do acordo - pode ser substituído por outra alternativa, tornando-se assim desnecessário.

"Penso que poderemos chegar a um acordo", declarou na entrevista, revelando não saber que as hipóteses de chegar a um acordo ultrapassarão os 50%.

Sobre o backstop - o plano para assegurar que a fronteira entre a Irlanda e a Irlanda do Norte permanece aberta depois do Brexit -, Juncker assegurou que não tem qualquer ligação especial à medida.

"Desde que os chamados planos alternativos sejam levados em conta, permitindo que a União Europeia e o Reino Unido alcancem os resultados do backstop, desde que os resultados apareçam, não me importo com a forma", explicou. "Se os objetivos forem atingidos, não precisaremos do backstop."

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de