Madrid antecipa segunda dose da AstraZeneca a pessoas com mais de 60 anos

Casos da variante indiana e colombiana têm aumentado na cidade.

A Comunidade de Madrid decidiu antecipar a segunda toma da vacina da AstraZeneca para as pessoas com mais de 60 anos. A decisão prende-se com o facto de terem sido detetados 18 casos da variante indiana da Covid-19 e as autoridades madrilenas já admitem que esta variante se encontra em transmissão comunitária.

Além da variante indiana, também a variante B.1.621, conhecida como colombiana, tem aumentado no país. As autoridades de saúde locais, citadas pelo site espanhol La Vanguardia, confirmaram que, nos últimos dias, chegaram através do aeroporto Adolfo Suárez-Madrid-Barajas um total de "17 viajantes positivos provenientes da Colômbia, com cargas virais altas, o que leva a deduzir que é difícil que o teste de diagnóstico feito no local de origem fosse negativo".

Assim, quem tiver mais de 60 anos vai tomar a segunda dose da vacina da AstraZeneca 11 semanas depois da primeira e não 12, como acontecia até agora.

LEIA AQUI TUDO SOBRE A PANDEMIA DE COVID-19

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de