Mais de 190 crianças morreram durante a guerra na Ucrânia

A maioria das crianças mortas eram da região de Donetsk, parcialmente ocupada por tropas russas.

Mais de 190 crianças morreram na Ucrânia devido à guerra, desde o início da invasão russa em 24 de fevereiro, segundo dados divulgados esta quarta-feira pela Procuradoria-Geral da Ucrânia, através do Telegram.

A maioria das 191 crianças foram mortas na região de Donetsk, no leste da Ucrânia, parcialmente ocupada por tropas russas.

De acordo com a procuradoria, foram descobertos os corpos queimados de uma menina de 16 anos e de um menino de 10 anos nas cidades de Borodzianka e Korolovka, onde estão a ser investigados possíveis crimes de guerra cometidos pelo exército russo.

Segundo dados do UNICEF, dois terços das crianças ucranianas tiveram que deixar as suas casas por causa da guerra, o que representa cerca de 2,8 milhões, de um total de 7,5 milhões.

Também esta quarta-feira, as autoridades ucranianas disseram que já conseguiram identificar, só na região de Kiev, mais de 720 mortos nos ataques russos desde o início da invasão do país.

"O número de corpos identificados e examinados de civis mortos na região de Kiev como resultado da agressão russa já ultrapassa os 720", explicou o chefe da polícia regional de Kiev, Andriy Nebitov, através da sua página no Facebook.

ACOMPANHE AQUI TUDO SOBRE A GUERRA NA UCRÂNIA

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de