Mário Centeno estará fora da corrida ao FMI

A lista em discussão, neste momento, terá apenas três nomes. Centeno não é um deles.

Mário Centeno, o ministro das Finanças português, estará fora da corrida à liderança do Fundo Monetário Internacional (FMI), avança a agência Bloomberg, citada pelo Negócios.

De acordo com o site do jornal, o processo de escolha do sucessor de Christine Lagarde - que está a ser liderado pela França e Paris - parece ter posto de parte Mário Centeno.

A lista em discussão, neste momento, terá apenas três nomes.

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de

Outros Artigos Recomendados