Ministro russo acusa ocidente de querer "falência artificial" da Rússia através das sanções

O ministro das Finanças russo sublinha que o congelamento das contas do banco da Rússia e do Governo em moeda estrangeira podem levar a essa falência, ainda que não corresponda à realidade.

O ministro das Finanças russo acusa o ocidente de querer uma falência artificial da Rússia através das sanções.

Em comunicado citado pela BBC, Anton Siluanov sublinha que o congelamento das contas do banco da Rússia e do Governo em moeda estrangeira podem levar a essa falência que, no entanto, não corresponde à realidade.

"O congelamento das contas em moeda estrangeira do Banco da Rússia e do governo russo pode ser considerado como o desejo de uma série de países estrangeiros de organizar um incumprimento artificial que não tem fundamentos económicos reais", afirma.

O Ministério russo das Finanças garante que o país tem condições para honrar os compromissos em matéria de reembolso de dívida soberana, mas poderá ter de fazê-lo em rublos.

De acordo com o ministro, foi aprovado um procedimento temporário para que os bancos possam fazer o reembolso em moeda estrangeira, ainda que isso dependa das sanções à Rússia.

ACOMPANHE AQUI TUDO SOBRE A GUERRA NA UCRÂNIA

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de