Monograma do Rei Carlos III estreado esta terça-feira

Novo selo real será usado pela primeira vez na correspondência do posto de correios situado no Palácio de Buckingham.

O novo monograma do Rei Carlos III, constituído pelas iniciais CR e uma representação da coroa, vai ser estreado esta terça-feira, anunciou o Palácio de Buckingham, coincidindo com o fim do período de luto da família real.

O novo selo real será usado pela primeira vez na correspondência do posto de correios situado no palácio, por onde passam anualmente cerca de 200.000 cartas, postais e outro tipo de ofícios.

O desenho foi escolhido pelo próprio chefe de Estado entre vários desenhos que lhe foram apresentados pelo Colégio de Armas, que é responsável pela heráldica no Reino Unido desde 1484, explica um comunicado.

O monograma é composto pelo C do nome e o R de Rex - latim para rei e será gradualmente gravado em botões de uniformes, fardas militares, caixas de correio, passaportes e outros documentos e dísticos oficiais.

Entretanto, o Banco de Inglaterra anunciou que as primeiras notas com a imagem do novo Rei Carlos III entrarão em circulação no Reino Unido em meados de 2024 com um retrato que será revelado no final deste ano.

O retrato do monarca "aparecerá nos desenhos existentes das quatro notas" de cinco, dez, vinte e cinquenta libras, "e não serão feitas mais alterações".

Notas com a imagem de Isabel II continuarão a circular em paralelo e só serão retiradas quando forem danificadas a fim de "minimizar o impacto ambiental e financeiro da mudança de monarca", seguindo as diretivas da Casa Real, acrescentou.

A apresentação do monograma e anúncio sobre notas coincide com o fim hoje do período de luto oficial da família real, que durou sete dias para além do funeral da Rainha Isabel II em 19 de setembro.

Os membros da família real vão voltar a participar em eventos públicos e as bandeiras, até agora a meia-haste, serão içadas nas residências reais.

Isabel II morreu em 08 de setembro no Castelo de Balmoral, Escócia, aos 96 anos após 70 de reinado, tendo o filho primogénito assumido o trono com o título de Carlos III.

Um serviço fúnebre com honras de Estado em 19 de setembro na Abadia de Westminster Londres culminou dez dias de cerimónias religiosas, cortejos nas ruas e velórios públicos para homenagear a monarca, que foi sepultada junto da família no Castelo de Windsor.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de