Morreu John Hume, vencedor do Nobel da Paz

Hume foi um dos principais responsáveis pela paz na região da Irlanda do Norte, ao conseguir a assinatura do acordo que pôs fim a três décadas de conflito.

O político norte-irlandês John Hume, vencedor do Prémio Nobel da Paz em 1998, morreu esta segunda-feira, aos 83 anos.

De acordo com a BBC News, John Hume, que sofria de demência há alguns anos, morreu às primeiras horas desta madrugada, num lar de idosos em Londonderry, na Irlanda do Norte.

"John morreu de madrugada na sequência de uma curta doença", refere um comunicado da família.

John Hume, uma das figuras mais conhecidas da política norte-irlandesa, foi um dos fundadores do Partido Social Democrata e Trabalhista (SDLP), que liderou entre 1979 e 2001.

Venceu o Prémio Nobel da Paz em 1998, pelo papel que desempenhou nas negociações de paz que levaram ao Acordo de Belfast (o "Good Friday Agreement"), assinado pelos governos britânico e irlandês, para pôr fim aos conflitos entre nacionalistas e unionistas, em defesa da união da Irlanda do Norte com a República da Irlanda, ou da sua continuação como parte do Reino Unido.

O Nobel foi entregue, conjuntamente, a Hume a David Trimble, então líder do Partido Unionista do Ulster, que reagiu à notícia da morte do companheiro de negociações, esta segunda-feira.

"John mostrou às pessoas a necessidade de manter a paz", afirmou Trimble, citado pela BBC. "Ele deu um grande contributo à política na Irlanda do Norte (...) e será lembrado por esse contributo por muito tempo."

Uma nota do Partido Social Democrata e Trabalhista, emitida após a notícia da morte de John Hume, refere que os irlandeses vivem agora "na Irlanda que ele imaginou, em paz e liberdade para decidir o próprio destino".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de