Morreu Jack Welch, o homem que voltou a colocar a GE no topo

O gestor Jack Welch que teve 20 anos à frente da General Electric (GE) morreu com 84 anos.

Morreu o gestor norte-americano mais amado da bolsa e mais odiado dos sindicatos. Jack Welch aumentou 34 vezes o valor da General Electric mas com um impacto de 112 mil postos de trabalho.

A revista Fortune chamou-lhe em 2000 o "gestor do século" e o movimento sindical norte-americano apelidou-o de "Neutron Jack" porque à semelhança da Bomba de Neutrões fazia desaparecer as pessoas mantendo intacto o património.

Jack Welch, filho de um maquinista, subiu a pulso dentro da GE, empresa onde ingressou como Engenheiro químico nos anos 60. Nos anos 80 foi escolhido para Presidente da Comissão Executiva (CEO) lugar onde esteve durante duas décadas.

Foi sob a sua liderança que a GE passou a ser a segunda empresa mais valiosa dos Estados Unidos, a seguir à Microsoft. O valor de mercado da GE passou de 12 mil milhões de dólares para 410 mil milhões.

Welch diversificou o perfil industrial do gigante americano. Ele expandiu a empresa para os serviços financeiros e de consultoria. Mas o seu maior desafio foi simplificar os "vícios" de burocracia da GE, para isso deu aos quadros intermédios liberdade para cortarem nas gorduras, em troca estes quadros intermédios recebiam bónus com base num método que ele inventou.

O gestor criou a chamada "curva de vitalidade", na qual os gerentes eram classificados em três grupos: O grupo dos 20% melhores, este grupo "A" estava "cheio de paixão, comprometido em fazer as coisas acontecerem"; o grupo "vital" de 70% "B" que funciona como locomotiva porque tem sempre o objetivo de chegar mais longe; e por fim, temos o grupo inferior de 10% "C", estes são "os fracassados que em geral tinham que ir", escreveu Jack Welch no seu livro de 2001, "Jack: Straight From the Gut".

Em Portugal, "Vencer" é o título de um dos seus livros, saiu em 2015 e recebeu um prefácio de Belmiro de Azevedo.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de