"Não deve durar indefinidamente." Moscovo admite que há uma "oportunidade" de compromisso com o Ocidente

Moscovo está "pronto para ouvir contrapropostas sérias", garante o ministro russo dos Negócios Estrangeiros, Sergei Lavrov.

O Governo russo disse nesta segunda-feira que há ainda uma "oportunidade" de resolver a crise na Ucrânia através de canais diplomáticos, numa altura em que os países ocidentais temem que as tensões possam escalar para um conflito armado.

"Há a possibilidade de chegar a um acordo com os nossos parceiros sobre questões fundamentais ou é uma tentativa de nos arrastar para negociações intermináveis?", disse o Presidente russo, Vladimir Putin, numa pergunta dirigida ao seu ministro dos Negócios Estrangeiros, Sergei Lavrov.

"Como responsável pelo Ministério dos Negócios Estrangeiros, devo dizer que há sempre uma hipótese", respondeu o ministro russo, num encontro com Putin.

As oportunidades de diálogo "não estão esgotadas, (mas) não devem durar indefinidamente", disse Lavrov, acrescentando que Moscovo está "pronto para ouvir contrapropostas sérias".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de