Não havia tantos novos casos de Covid-19 na China desde há quatro meses

Em território chinês foram registados 140 casos em 24 horas.

Há quatro meses que não havia tantos novos casos de Covid-19 na China: foram registados 140 em apenas 24 horas. De entre estes, dois terços (87) são infeções ocorridas na comunidade.

A maioria foi registada na cidade de Xian, na província de Shanxi, no nordeste do país, a mais de mil quilómetros da capital, Pequim. Nessa região, mais de 13 milhões de pessoas estão ainda confinadas.

Apenas uma pessoa de cada habitação pode sair a cada dois dias para fazer as compras de bens essenciais, tendo para isso de pedir autorização. Xian registou 330 casos sintomáticos de transmissão local desde a notificação do primeiro contágio a 9 de dezembro de 2021, um número pequeno em comparação com os focos da doença em outros países.

A China reduziu o número de casos ao mínimo graças a uma estratégia "zero Covid" que incluiu restrições nas fronteiras, quarentenas e confinamentos, mas os contágios aumentaram nas últimas semanas. A China reportou 100.871 casos sintomáticos e menos de cinco mil mortes desde que o vírus foi detetado na cidade de Wuhan no fim de 2019.

O agravamento da pandemia acontece a pouco mais de um mês dos Jogos de Inverno, que devem começar em Pequim, no dia 4 de fevereiro.

LEIA AQUI TUDO SOBRE A PANDEMIA DE COVID-19

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de