Netas de Al Capone marcam leilão para vender objetos pessoais do gangster

Os leiloeiros estimam que só a Colt 0,45 automática, a arma preferida de Al Capone, possa chegar aos 150 mil dólares, e que outra pistola do gangster possa ser vendida por 60 mil dólares.

A emblemática pistola automática de calibre 0,45, fotografias antigas, uma carta para o filho, escrita de Alcatraz, e a cama que dividia com a mulher na mansão luxuosa da Florida são alguns dos 174 objetos de Al Capone, um dos membros da máfia mais famosos da História norte-americana, que serão leiloados pelos herdeiros.

De acordo com a AFP, os 174 objetos que estarão à venda no dia 8 de outubro compõem uma coleção intitulada "Um Século de Notoriedade: O Legado de Al Capone".

Os leiloeiros estão entusiasmados com aquele que "certamente será um dos maiores leilões de celebridades de todos os tempos".

Al Capone foi uma das figuras mais temidas do universo do crime organizado na era da proibição, quando foi imposta a Lei Seca, que punia a produção e a comercialização de álcool nos Estados Unidos.

A Chicago Outfit, uma gangue da década de 1920 que derrotava os rivais no contrabando e no crime organizado com métodos brutais, da qual Capone era o líder, atingiu o auge da violência no chamado massacre do Dia dos Namorados, em 1929, quando sete membros de uma gangue rival foram executados.

Capone nunca foi condenado por atos violentos, mas foi preso por fuga aos impostos, e cumpriu pena em Alcatraz, uma ilha-prisão perto de São Francisco, por evasão fiscal. Abandonou a ilha-prisão a 16 de novembro de 1939, depois de cumpridos sete anos, seis meses e 15 dias de pena e de ter saldado todas as multas e impostos retroativos.

Os leiloeiros estimam que a Colt 0,45 automática possa chegar aos 150 mil dólares, e que outra pistola do gangster possa ser vendida por 60 mil dólares.

O lote, que também inclui um relógio de bolso Patek Philippe de platina e diamante, pertence a uma coleção passada ao filho único de Al e Mae Capone, Sonny. Atualmente é propriedade de Diane e Barbara Capone, as netas do gangster.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de