Cheiro a queimado e ondas de cinza. O relato de uma portuguesa em Sidney

O fumo espesso dos incêndios cobriu a maior cidade do leste de Austrália. Além da qualidade do ar, a qualidade da água também já está entre as preocupações para quem reside em Sydney.

O leste da Austrália tem sido fustigado, nas últimas semanas, por violentos incêndios e o fumo cobriu por completo uma das maiores cidades do país, Sydney. O ar tornou-se irrespirável, sendo que a qualidade atingiu um nível "perigoso".

"Um cheiro muito forte a queimado" foi o que sentiu Catarina Guedes Barroso, uma portuguesa residente naquela cidade australiana.

"Foi um dos piores dias, senão mesmo o pior, das últimas três semanas. Temos tido dias com muito fumo, até mesmo dentro de casa", revela à TSF, explicando que já se adaptou a uma nova rotina.

"É agarrar o telemóvel e ver qual é o índice de qualidade do ar, logo pela manhã, porque temos de ver se podemos, ou não, sair de casa", afirma, dizendo que todas as noites recebe também uma atualização do Governo.

Os valores nos arredores de Sydney atingiram valores muito altos, "de 999, quando o recomendável é, no máximo, 50".

Desejo de chuva, o areal preto e as ondas de cinza

O verão na Austrália começou há uma semana, as temperaturas não excedem os 30 graus em Sidney, mas no interior do estado de New South Gales, os 40 graus que se fazem sentir têm provocado centenas de incêndios.

"As pessoas estão preocupadas com os fogos que estão ativos. É um inferno que não tem fim. As pessoas só desejam que chova, mas não há previsão de chuva", conta Catarina Guedes Barroso, sublinhando que, em caso de precipitação, há outra preocupação para quem vive na Austrália.

"Neste momento, as pessoas já se começam a preocupar com a qualidade da água que vão beber. Nas praias, as cinzas estão a afetar a água salgada. As praias estão pretas porque vieram ondas de cinza", disse.

A densa nuvem de fumo que cobriu Sydney, na segunda-feira, já está a chegar à Nova Zelândia.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de