"O Parlamento Europeu vai lutar por uma Europa mais forte"

Roberta Metsola diz que "este é o momento para dar passo em frente no caminho da integração europeia".

"Sinto-me orgulhosa por estar aqui hoje neste processo ativo de cidadania", começa por dizer Roberta Metsola na cerimónia que assinala o Dia da Europa no Parlamento Europeu, sublinhando que "o futuro da Europa ainda não se escreveu e a nossa história depende de todos nós".

A presidente do Parlamento Europeu diz que "a guerra veio mudar o mundo", destacando que "o mundo está mais perigoso e o papel da Europa também se alterou."

"As bombas continuam a matar indiscriminadamente, as mulheres continuam a ser violadas, milhões de refugiados abandonaram o país. Isso vai continuar. Os ucranianos têm os olhos postos na Europa, porque sabem que os europeus passaram mais de meio século debaixo do jogo da cortina de ferro", afirma, reforçando que "o Parlamento Europeu vai lutar por uma Europa mais forte, com os valores da democracia, estado de direito, justiça, igualdade de oportunidades".

Roberta Metsola explica que uma das prioridades da União Europeia deve ser "uma nova política de segurança e defesa". Para a presidente do Parlamento Europeu, as alterações climáticas devem também ser um objetivo.

Metsola destaca ainda a criação de empregos e a proteção à migração. "A nossa Europa tem de ser um lugar em que as pessoas possam ser o que querem ser", diz.

Metsola recorda David Sassoli, que "teria sentido um orgulho enorme se tivesse presenciado este evento".

"A Europa nunca teve medo e agora chegou o momento de darmos um passo para a frente e não para trás no caminho da integração europeia e não podemos hesitar", defende.

"Estamos aqui juntos no Dia da Europa, dedicado à juventude, no Parlamento Europeu, para assim darmos passos em frente, caminhando de mãos dadas. É o nosso momento", termina.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de