OMS dá luz verde a vacina chinesa da Sinopharm contra a Covid-19

É a sexta vacina a receber validação da Organização Mundial da Saúde, mas a primeira desenvolvida na China.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) aprovou, esta sexta-feira, o uso de emergência da vacina chinesa da Sinopharm.

Apesar de continuar em avaliação os dados sobre a vacina, à medida que são facultados pelo laboratório, numa conferência de imprensa, o diretor-geral da organização, Tedros Adhanom Ghebreyesus afirmou que esta é "a sexta vacina a receber luz verde da OMS dado que cumpre os parâmetros de segurança, eficácia e qualidade". De acordo com a AFP, esta é a primeira vacina chinesa a ser aprovada pela organização internacional.

O comité de especialistas da OMS recomendou a vacina para pessoas maiores de 18 anos devendo ser administrada em duas doses com um intervalo de duas a três semanas.

LEIA AQUI TUDO SOBRE A COVID-19.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de