Pânico após rumor de tiroteio origina dezenas de feridos em Cannes

Presidente da câmara fala de "um momento de loucura coletiva depois de um indivíduo ter gritado 'tiros'"

Dezenas de pessoas sofreram ferimentos ligeiros na sequência de um momento de pânico gerado pelo rumor de um tiroteio na cidade francesa de Cannes.

Segundo o corpo de bombeiros local, 44 pessoas ficaram feridas "por volta das 2h00 da madrugada" na Croissete, uma das principais avenidas de Cannes, tendo duas pessoas dado entrada no hospital.

"Sofreram ferimentos ligeiros: traumatismos nos membros inferiores, nada de grave", disse um porta-voz dos bombeiros.

Mais de uma centena de bombeiros foram destacados para a conhecida artéria da cidade (Croissete) onde se tinha instalado o rumor sobre uma troca de tiros, tendo-se gerado o pânico entre as pessoas que se encontravam no local.

Imagens captadas pelos telemóveis e difundidas nas redes sociais mostram pessoas visivelmente perturbadas a correr em todas as direções.

As imagens exibem também a presença de agentes da polícia.

"Não houve nem um único tiro em Cannes nem nenhum louco escondido, mas sim um momento de loucura coletiva depois de um indivíduo ter gritado 'tiros'", disse o presidente da Câmara, David Lisnard, através de uma mensagem difundida pela rede social Twitter.

"O momento de loucura foi provocado por um rumor (...) a situação está sob controlo. Apelamos para que não sejam veiculadas informações falsas", acrescentou o autarca de Cannes, na mesma mensagem.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de