Papa Francisco não vai estar no funeral de Isabel II

O secretário dos Negócios Estrangeiros do Vaticano, Paul Gallagher, representará o Papa Francisco.

O Papa Francisco não vai comparecer ao funeral da Rainha Isabel II, que terá lugar na segunda-feira na Abadia de Westminster, em Londres, fazendo-se representar pelo seu chefe de diplomacia, anunciou esta sexta-feira o Vaticano.

O secretário dos Negócios Estrangeiros do Vaticano, Paul Gallagher, representará o Papa Francisco no funeral, informou o Vaticano em comunicado.

O Papa enviou um telegrama ao novo soberano britânico, Carlos III, no qual lamentou a morte de Isabel II e exaltou o seu "serviço incansável para o bem" e "o exemplo de devoção ao dever".

Também transmitiu os seus melhores votos ao filho mais velho de Isabel II e assegurou que reza por ele ao "assumir agora as suas altas responsabilidades como Rei", com o nome de Carlos III.

A Rainha Isabel II morreu aos 96 anos e após mais de 70 anos de reinado no passado dia 8, no castelo de Balmoral, na Escócia, e o funeral realiza-se em Londres na segunda-feira, dia 19.

Isabel II morreu a 08 de setembro aos 96 anos no Castelo de Balmoral, na Escócia, após mais de 70 anos no trono, o mais longo reinado da história do Reino Unido, e o corpo encontra-se em câmara ardente no edifício do parlamento britânico, em Londres, até segunda-feira.

Um funeral de Estado com a presença de dezenas de chefes de Estado e de governo internacionais terá lugar na segunda-feira na Abadia de Westminster, em Londres.

A urna com o corpo da Rainha será finalmente depositada, durante um evento privado para reservado à família, num jazigo no Castelo de Windsor onde se encontram os restos mortais dos pais e da irmã, e para onde será transferido o caixão do marido, príncipe Filipe, que morreu aos 99 anos em 2021.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de