"Piorou." Boris Johnson levado para os cuidados intensivos

Estado do primeiro-ministro agravou-se ao longo da tarde, revela Downing Street.

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, foi esta segunda-feira transferido para a unidade de Cuidados Intensivos do hospital de St Thomas, em Londres.

Um comunicado de Downing Street dá conta de que "ao longo desta tarde, o estado do primeiro-ministro piorou e, a conselho da sua equipa médica, foi transferido para a unidade de Cuidados Intensivos do hospital".

As funções do primeiro-ministro são delegadas em Dominic Raab, "onde forem necessárias", lê-se no comunicado citado pela BBC .

A televisão britânica adianta também que o governante está "consciente" e foi transferido "por precaução, caso venha a necessitar de ventilação".

Boris Johnson deu entrada no hospital na noite deste domingo, depois dos sintomas ligeiros que sentia se terem tornado "persistentes".

Antigo líder conservador "chocado"

À BBC, o antigo líder do Partido Conservador Iain Duncan Smith diz-se "chocado" com a notícia de que Boris Johnson foi transferido para os Cuidados Intensivos.

"É um amigo e, enquanto primeiro-ministro, é um mau momento", comentou, acrescentando estar "profundamente entristecido" com os desenvolvimentos da situação.

Smith acrescenta ainda que Boris Johnson "trabalhou como um louco para ultrapassar isto e não tem dado resultado", mas ressalva que isso "não quer dizer que ele não ultrapasse isto".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de