Polícia turca captura "Basim", figura-chave do Estado islâmico

Homem afegão terá ajudado o antigo líder do Estado Islâmico a esconder-se em Idlib, na Síria.

A polícia turca capturou, em Istambul, uma das figuras mais importantes do Estado Islâmico, descrita como o "braço direito" do líder morto, noticiaram este domingo os meios de comunicação locais. O homem afegão, cujo nome de código é "Basim", foi capturado durante uma rusga com agentes dos serviços secretos turcos no distrito de Atasehir, do lado asiático da cidade.

O líder do Daesh, Abu Bakr al-Baghdadi, foi morto em 2019 numa rusga das forças especiais dos EUA, levada a cabo com a ajuda de combatentes curdos, na província de Idlib, no noroeste da Síria.

Os meios de comunicação social turcos relatam que o homem hoje capturado ajudou Baghdadi a esconder-se em Idlib. O suspeito será também responsável pela "ala militar" do grupo extremista, adianta a emissora NTV citada pela AFP.

"Basim" chegou a Istambul com um passaporte e bilhete de identidade falsos, explicou o mesmo canal, enquanto a agência noticiosa DHA dá conta de que a detenção terá acontecido a 28 de abril.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de