Presidente ucraniano bate recorde com conferência de imprensa de 12 horas

Quase oito horas após o início da conferência de imprensa, um representante da agência levantou-se para anunciar o recorde.

O ex-ator popular eleito em abril passado Presidente da Ucrânia quebrou esta quinta-feira um recorde no país, ao fazer uma conferência de imprensa de 12 horas, a mais longa da história, segundo a agência nacional ucraniana.

Quase oito horas após o início da conferência de imprensa, realizada num espaço de restauração da moda, no centro de Kiev, um representante da agência levantou-se para anunciar o recorde, que ainda não foi confirmado por um organismo internacional.

O Presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky reagiu expressando a sua surpresa, dizendo que era uma pessoa "modesta" e que odiava celebrações. O recorde anterior pertencia ao Presidente da Bielorrússia, Alexander Lukashenko, com uma conferência de imprensa de mais de sete horas, de acordo com os órgãos de comunicação social ucranianos.

Várias centenas de jornalistas ucranianos e estrangeiros aproximaram-se de Zelensky, em torno de uma mesa no Food Market, que serve hambúrgueres e pizzas. O Presidente ucraniano discutiu vários tópicos, como o conflito no leste da Ucrânia, as relações com a Rússia ou sua conversa por telefone com o Presidente dos EUA, cuja revelação levou o republicano Donald Trump a estar sob a ameaça de um processo de demissão iniciado pelos democratas.

Volodymyr Zelensky disse à imprensa que levou injeções para fortalecer as cordas vocais antes da conferência de imprensa.

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de