Rússia diz que atingiu depósito de armas estrangeiras perto de Odessa

Mísseis de alta precisão da Rússia tiveram como alvo 22 instalações militares ucranianas.

O exército russo afirmou este sábado que alvejou com "mísseis de alta precisão" um importante depósito de armas entregues às forças ucranianas pelos Estados Unidos e países europeus, perto de Odessa, no sul da Ucrânia.

"As forças armadas russas neutralizaram hoje, com mísseis de longo alcance e de alta precisão, um terminal logístico de um aeródromo militar situado perto de Odessa, onde estava armazenado um importante lote de armas estrangeiras entregues pelos Estados Unidos e por países europeus", indicou em comunicado o Ministério da Defesa russo.

No total, os mísseis de alta precisão da Rússia tiveram como alvo 22 instalações militares ucranianas, incluindo três depósitos de armas e munições perto de Ilitchiovka e de Kramatorsk que foram destruídos, segundo o ministério.

Por sua vez, a aviação russa realizou este sábado ataques aéreos contra 79 instalações militares ucranianas, visando em particular 16 depósitos de armas de artilharia e depósitos de combustível, segundo a mesma fonte.

A Rússia lançou em 24 de fevereiro uma ofensiva militar na Ucrânia que matou mais de dois mil civis, segundo dados da ONU, que alerta para a probabilidade de o número real ser muito maior.

A ofensiva militar causou já a fuga de mais de 12 milhões de pessoas, cinco milhões das quais saíram do país, de acordo com os mais recentes dados da ONU - a pior crise de refugiados na Europa desde a Segunda Guerra Mundial (1939-1945).

ACOMPANHE AQUI TUDO SOBRE A GUERRA NA UCRÂNIA

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de