Síria responsabiliza Israel por novo ataque nos arredores de Damasco

Fonte síria indicou que as defesas antiaéreas do país árabe conseguiram abater a maior parte dos projéteis.

A Síria acusou esta quinta-feira Israel de realizar um novo ataque com mísseis em Damasco, o segundo deste tipo nos últimos três dias e o terceiro em menos de uma semana, informou a agência noticiosa SANA.

"O inimigo israelita levou a cabo uma agressão com mísseis disparados da direção dos territórios palestinianos ocupados contra alguns pontos da periferia da cidade de Damasco", disse à SANA uma fonte militar não identificada.

A mesma fonte indicou que as defesas antiaéreas do país árabe conseguiram abater a maior parte dos projéteis, pelo que a ação causou apenas danos materiais.

O Observatório Sírio dos Direitos Humanos, uma organização não-governamental sediada no Reino Unido, confirmou o ataque, em comunicado e afirmou que alguns dos mísseis atingiram as imediações do Aeroporto Internacional de Damasco.

Esta é a 28.ª ação israelita na nação árabe, este ano, de acordo com o Observatório. A última aconteceu na segunda-feira, na província de Rif Damasco, nos arredores da capital síria, onde os projéteis israelitas feriram um soldado, três dias após outro ataque semelhante naquele distrito administrativo.

Israel ataca frequentemente o país vizinho, afirmando que a presença de grupos armados iranianos e libaneses aliados ao Presidente sírio, Bashar al-Assad, representa uma ameaça à sua segurança.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de