Taliban concordam com retirada do estatuto de aliado da NATO ao Afeganistão

O estatuto de aliado estratégico fora da NATO, que foi concedido ao Afeganistão, em 2012, para facilitar a aquisição de equipamentos militares pelo Governo de Cabul, foi revogado pelos Estados Unidos. A decisão foi apoiada pelos taliban.

Os taliban demonstraram esta quinta-feira o seu apoio à decisão dos Estados Unidos de revogar o estatuto do Afeganistão de aliado estratégico fora da NATO (MNNA, na sigla em inglês), uma denominação que os dirigentes afegãos também não aprovavam.

"Também não ficamos felizes com essa denominação, já que os afegãos foram dizimados por duas décadas, sofreram e padeceram com problemas", referiu o porta-voz adjunto do governo interino taliban, Bilal Karimi à agência de notícias Efe.

O estatuto de aliado estratégico fora da NATO foi concedido ao Afeganistão por Washington, em 2012, para facilitar a aquisição de equipamentos militares pelo Governo deposto em Cabul, na época aliado dos Estados Unidos na luta contra os fundamentalistas islâmicos.

Os taliban assumiram o controlo do Afeganistão no final de agosto de 2021, após uma rápida ofensiva durante a retirada final das forças norte-americanas do país.

Embora não tenha obtido o reconhecimento da comunidade internacional, o Governo taliban quer "manter relações diplomáticas, comerciais e económicas com todos os países", de acordo com Karimi.

O líder taliban Hibatullah Akhundzada afirmou na quarta-feira que o Afeganistão quer um "bom" relacionamento com todo o mundo, inclusive com os Estados Unidos, uma semana depois de afirmar que o seu país não aceitaria "ordens do mundo mesmo se usassem uma bomba atómica".

O Afeganistão está mergulhado numa crise económica agravada pela tomada do poder pelos taliban em agosto do ano passado, que levou ao congelamento de fundos para a reconstrução do país.

O país também tem sido atingido por desastres naturais, como o terramoto que há duas semanas deixou mais de mil mortos, além de secas e inundações.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de