Trump diz que invasores do Capitólio foram "inteligentes" por "verem manipulação" eleitoral

"As pessoas viajaram para Washington, porque estavam irritadas com os resultados de umas eleições que acreditavam terem sido manipuladas", afirma Trump.

O ex-Presidente dos Estados Unidos Donald Trump acredita que os responsáveis pelo ataque ao Capitólio foram "inteligentes", porque, segundo a sua versão, "souberam ver a manipulação" nas eleições de 2020, que foram vencidas pelo democrata Joe Biden.

Foi assim que o ex-chefe de Estado resumiu os acontecimentos do dia 6 de janeiro de 2021 numa das entrevistas exclusivas para o documentário "Unprecededented" que, segundo a Discovery+, estreia no próximo domingo.

"As pessoas viajaram para Washington, porque estavam irritadas com os resultados de umas eleições que acreditavam terem sido manipuladas", prosseguiu Trump num dos vídeos publicados por aquela plataforma de 'streaming'.

Além disso, durante as gravações que fazem parte do documentário, o ex-Presidente norte-americano definiu-se como alguém que "trata bem as pessoas", a menos que o provoquem, porque, garantiu, "vai para a guerra".

"Unprecededented" é uma produção realizada por Alx Holder dividida em três capítulos e promete mostrar o republicano "sem filtros" durante a campanha eleitoral e dentro da Casa Branca, mas também num ambiente mais descontraído na sua residência em Mar-a-Lago, na Florida.

O documentário conta com os depoimentos dos seus filhos Ivanka Trump, Donald Trump Jr. e Eric Trump e do seu genro Jared Kushner.

Em junho, a Discovery+ anunciou que havia comprado os direitos de "Unprecededented" da AJH Films, produtora de Holder, mas não havia definido uma data de lançamento definitiva.

A informação que Holder teve acesso no documentário é tão sensível que a comissão do Congresso dos Estados Unidos que investiga o ataque ao Capitólio decidiu intima-lo e verificar o material audiovisual que ele filmou.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de