Um rei sem coroa no bolso dos britânicos. Reveladas primeiras moedas de Carlos III

As primeiras moedas com o perfil de Carlos III devem entrar em circulação ainda este ano. Ao contrário da mãe, Isabel II, o novo rei é retratado sem coroa.

Foram reveladas as primeiras moedas britânicas com o perfil do rei Carlos III, que deverão entrar em circulação ainda este ano.

São duas novas moedas - uma de 50 pence (o equivalente a 58 cêntimos) e outra de cinco libras (cerca de 5,67 euros) - e segundo a Casa da Moeda do Reino Unido vão chegar ao bolso dos britânicos provavelmente a partir de dezembro".

A efígie do rei Carlos III foi desenhada pelo escultor Martin Jennings, tendo a imagem sido aprovada pelo próprio rei, revela a Associeted Press esta sexta-feira.

"O retrato foi esculpido a partir de uma fotografia do rei e foi inspirado pelas efígies icónicas que agraciaram as moedas da Grã-Bretanha ao longo dos séculos. É a obra mais pequena que criei, mas sinto-me honrado em saber que será vista e guardada por pessoas de todo o mundo durante séculos", afirmou o escultor, agradecendo o "privilégio" que lhe foi confiado.

Mantendo a tradição, o rosto de Carlos surge virado para a esquerda, a direção oposta da antecessora, Isabel II, que surgia nas moedas voltada para a direita. Outra diferença evidente face ao retrato da mãe é a ausência de coroa, apesar de não ser caso inédito.

Nas moedas é ainda possível ler a inscrição em latim - "CHARLES III - D - G - REX - F - D - 5 POUNDS - 2022", que significa "Rei Carlos III, pela Graça de Deus, Defensor da Fé", seguindo do valor da moeda e ano de emissão.

A Casa Real da Moeda britânica é responsável por cunhar moedas com o rosto dos reis há mais de 1100 anos. Costumava ser a única forma de o povo saber como era a cara do monarca, explica a responsável pelo organismo.

Foram ainda reveladas duas moedas comemorativas da rainha Isabel II, com dois rostos da rainha, em idades diferentes, e a data de nascimento e morte (1926-2022).

Apesar da entrada em circulação de novas moedas, todas as antigas, com a efígie da rainha Isabel II, continuarão em circulação sem limite de validade.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de