Will Smith agride Chris Rock nos Óscares. Academia "não tolera violência"

Chris Rock fez uma piada sobre Jada Pinkett-Smith e Will Smith reagiu.

Os atores Will Smith e Chris Rock protagonizaram o momento de maior tensão durante a 94.ª edição da cerimónia de entrega dos Óscares. O ator que depois foi galardoado com o prémio de Melhor Ator terá agredido o colega de profissão em pleno palco.

O momento aconteceu quando Chris Rock subiu ao palco para entregar o Óscar de Melhor Documentário (ao vencedor "Summer of Soul") e fez algumas piadas. Uma dessas piadas teve como alvo a mulher de Smith, Jada Pinkett-Smith, sugerindo que aparecesse numa sequela de "G.I. Jane" por causa da falta de cabelo. Will Smith levantou-se, dirigiu-se a Chris Rock e agrediu-o no rosto, sentando-se depois a gritar: "Mantém o nome da minha mulher fora da tua boca."

A transmissão ficou imediatamente sem som, tendo ido de seguida para intervalo. De acordo com o correspondente da revista Hollywood Reporter Scott Feinberg, Will Smith parecia estar em lágrimas durante o intervalo, quando era confortado por Danzel Washington e Tyler Perry.

Entretanto, a Academia reagiu ao acontecimento no Twitter: "A Academia não tolera violência de qualquer forma. Esta noite, temos o prazer de celebrar os vencedores dos 94.º prémios da Academia, que merecem este momento de reconhecimento dos seus parceiros e dos amantes de cinema em todo o mundo."


As reações de espanto e as questões sobre se tudo aquilo tinha sido real ou se não teria passado de uma encenação inundaram as redes sociais.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de