Adiada votação dos projetos sobre Procriação Medicamente Assistida

Os deputados do PS e do Bloco de Esquerda decidiram introduzir alterações ao projeto conjunto que querem apresentar.

Só na próxima 5ª feira será feita a votação dos projetos sobre Procriação Medicamente Assistida (PMA) que estão a discutidos pelos deputados no grupo de trabalho que estuda alterações à lei.

Em cima da mesa estão dois projetos de lei. Um, feito em conjunto por PS, BE, PEV e PAN, e que prevê o alargamento das técnicas de fertilidade a todas as mulheres.

O outro é da autoria do BE que propõe a legalização da maternidade de substituição, conhecida por barrigas de aluguer.

A votação foi adiada porque os grupos parlamentares de BE e PS decidiram introduzir novas alterações ao projeto de lei da PMA.

PS e BE dizem que são alterações de pormenor mas que podem ser decisivas para convencer as restantes bancadas a acolher um projeto de lei que PS, BE, PAN e Verdes querem o mais abrangente possível.

Continuar a ler

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de