Entrevista TSF

EUA são "obstáculo à regularização das relações" entre Coreias

O histórico comunista Domingos Abrantes comentou a situação na península coreana, num dia histórico para Norte e Sul.

Domingos Abrantes olha para o encontro entre Moon Jae-in e Kim Jong-un com esperança, mas avisa que a influência norte-americana na península é "um obstáculo à regularização das relações entre os dois países".

Entrevistado por Fernando Alves na Manhã TSF, o histórico comunista e atual conselheiro de Estado defende que "será muito difícil os Estados Unidos se conformarem" com a paz na península coreana.

"A Coreia não está dividida por causa dos coreanos, está dividida porque houve uma intervenção externa. Os americanos estão ali há décadas", defende.

  COMENTÁRIOS