PCP quer medicamentos gratuitos para maiores de 65 anos

O PCP vai apresentar na Assembleia da República um projeto de lei para que todos os doentes com mais de 65 anos tenham acesso a medicamentos gratuitos. Líder da bancada parlamentar aproveita para falar em "operação de chantagem" dos grupos de saúde privados à ADSE.

O custo dos medicamentos é uma das dificuldades que afetam os doentes, sobretudo os mais idosos e, por isso, o PCP quer que eles sejam gratuitos para maiores de 65 anos.

O anúncio foi feito por João Oliveira, o deputado e líder da bancada comunista no encerramento das jornadas parlamentares que terminaram, esta terça-feira, em Braga.

João Oliveira anunciou ainda que na próxima semana, dia 27, vai interpelar o Governo de António Costa sobre a política de saúde, considerando os problemas que têm afetado o setor.

O líder da bancada comunista voltou a criticar o que chama de "operação de chantagem" que os principais grupos de saúde privados estão a fazer à ADSE e desafia o Governo a recorrer ao decreto-lei 637/74, que prevê a requisição civil de privados em "circunstâncias particularmente graves", para "se assegurar o regular funcionamento de serviços essenciais de interesse público".

Até ao final da legislatura, o PCP vai ainda propor o regresso da indemnização compensatória à RTP, através do Orçamento de Estado, para melhorar os meios tecnológicos do serviço público de rádio e televisão. E insistir no aumento intercalar do salário mínimo nacional para 650 euros.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de