Pedro Nuno Santos responde a Assis: "Instabilidade política porquê? Para quem?"

O dirigente do PS desafia Francisco Assis a levar a proposta de eleições antecipadas à Comissão Nacional do partido e ironiza: "Conseguiu antecipar-se ao PSD".

Pedro Nuno Santos considera que "não deixa de ser surpreendente que aqueles que punham em causa a capacidade desta solução proporcionar estabilidade politica, estejam agora a sugerir que se crie instabilidade política".

Pedro Nuno Santos defende a estabilidade política

00:0000:00

O secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares, e um dos principais eixos do acordo com a esquerda parlamentar, desafia o eurodeputado Francisco Assis a levar a proposta de eleições antecipadas a debate interno. "Espero que leve porque esse era um bom espaço para ter esse debate, na comissão nacional, lá estarei".

Pedro Nuno Santos acusa Assis de ter conseguido "a proeza de se antecipar ao PSD no pedido de eleições antecipadas", e questiona: "Vamos criar instabilidade política? Porquê? Para quem? Em nome do quê?".

Pedro Nuno Santos desafia Francisco Assis a levar as suas opiniões à comissão política do PS

00:0000:00

"Esse camarada dizia que esta solução está paralisada porque não nos permite fazer algumas reformas. É verdade! Esta solução não permite fazer as reformas que a direita queria, por exemplo, privatizar a segurança social", afirma Pedro Nuno Santos em resposta a Francisco Assis.

Questionado sobre o momento escolhido pelo eurodeputado, desde sempre crítico do acordo entre o PS e as esquerdas, o dirigente socialista ironiza: "Se repararem, tem sempre mais mediatismo quando critica o governo e o seu próprio partido.

O governante defende que o atual executivo tem produzido "bons resultados" e que a "estabilidade e solidez que tem sido uma mais-valia deste governo, da Assembleia e com a participação muito importante do Sr. Presidente da República", remata Pedro Nuno Santos.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de