PSD Lisboa quer Sá Carneiro no Panteão Nacional

O PSD de Lisboa pretende que Sá Carneiro seja sepultado no Panteão Nacional.

O PSD Lisboa pretende que sejam concedidas honras de Panteão Nacional aos restos mortais de Francisco Sá Carneiro.

Num comunicado onde é recordada toda a história do falecido líder social-democrata, o PSD pretende homenagear "o democrata e político, o cidadão corajoso que lutou afincadamente pelas causas da Liberdade, Igualdade, Solidariedade, Justiça, Democracia e Dignidade da Pessoa Humana". No mesmo sentido, o partido fala ainda na necessidade de relembrar "um português ilustre, que é uma referência da nossa História Política Contemporânea e que ainda hoje é fonte de inspiração para muitos dos nossos concidadãos".

"Francisco Sá Carneiro dedicou a sua vida e perdeu-a, primeiro por Portugal e pelos Portugueses e só depois pelo seu Partido", lê-se na nota enviada às redações.

O fundador do PSD morreu no dia 4 de dezembro de 1980, após a queda do avião em que seguia, em Camarate.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de