De sala em sala pelas ruas de Lisboa

São exigidos o certificado de vacinação ou a apresentação de um teste negativo e a utilização de máscara é obrigatória.

O festival Superbock em Stock está de regresso à Avenida da Liberdade. São cerca de 50 nomes a atuar numa dezena de espaços no coração da cidade de Lisboa.

Coliseu dos Recreios, Teatro Tivoli BBVA, Cinema São Jorge, Capitólio, Estação Ferroviária do Rossio, Maxime, Garagem Epal, Casa do Alentejo, Palácio da Independência ou o Superbock Bus são os palcos que os festivaleiros vão encontrar nesta edição sempre com novos sons e muitos estilos. O certificado de vacinação ou o teste são exigidos para entrar nesta romaria e a máscara, nas salas, é obrigatória.

Dois dias de Superbock em Stock com destaque para Django Django, Iceage, Benny Sings, The Legendary Tigerman ou Lava La Rue, curadorias da Cuca Monga, de Riot (ex-Buraka) e de Samuel Úria, DJ set dos ex-Heróis do Mar Rui Pregal da Cunha e Pedro Gonçalves ou ainda o repetente Moullinex no final de festa a dividir o palco com Anna Prior dos Metronomy.

Mas há muito mais para ver e ouvir na edição 2021; o cartaz está em https://www.superbockemstock.pt/

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de