Artistas e programadores de todo o mundo querem tornar Portugal um destino cultural

Afonso Cruz, José Luís Peixoto, Joaquim de Almeida, Pedro Varela e Gonçalo M. Tavares são alguns dos nomes presentes.

Arte e Negócios, Cultura e Turismo são algumas das palavras-chave do Revolution Hope Imagination (RHI), uma iniciativa promovida pelo Arte Institute e que vai reunir em Portugal curadores, programadores culturais e artistas de todo o mundo.

Ana Miranda, diretora do Arte Institute e responsável pela iniciativa, explica que "pensamos organizar conferencias, workshops e espetáculos em que, durante uma semana, estamos a trazer pessoas que fazem a curadoria, escolhem espetáculos para sítios como o Lincoln Center, o The Town Hall ou o SummerStage do Central Park, programadores que trabalham para estas instituições e que vão estar em Lisboa a partilhar experiências.

Mas não são só programadores: o evento também acolherá "advogados que explicam como fazer um visto para ir trabalhar nos EUA, um workshop sobre como fazer uma proposta de negócio para que artistas possam fazer tentar as empresas e saber o que procuram, etc".

Este é um encontro aberto a todos. Ana Miranda, diretora do Arte Institute, explica que o objetivo é dar ferramentas a quem pretende trabalhar nesta área. O RHI envolve mais de 23 países, tem mais de 50 workshops, 75 palestras, dezenas de espetáculos que decorrem em em simultâneo em vários locais.

"A Culturgest recebe a área da música, o CCB a arquitetura, a bioarte, arte e design, a casa da América Latina recebe a literatura, A Fundação Oriente recebe a educação e cidadania e o Teatro S. Luís a dança. Tudo a acontecer em simultâneo."

Afonso Cruz, José Luís Peixoto, Joaquim de Almeida, Pedro Varela e Gonçalo M. Tavares são alguns dos nomes presentes. Pode conhecer toda a programação nesta plataforma .

De 14 a 21 de setembro, artistas, curadores e programadores culturais de todo o mundo vão partilhar experiências na primeira edição do Revolution Hope Imagination, que arranca este fim de semana em Lisboa, mas vai percorrer todo o país.

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de