Feira de S. Mateus: tradição rima com modernidade e comodidade

Está de volta a Viseu aquela que é considerada a feira franca mais antiga da Península Ibérica. A Feira de S. Mateus arranca esta noite e até 15 de setembro promete animar e agitar os dias da cidade de Viriato.

O secular certame, que este ano cumpre a edição 627, arrasta famílias e visitantes de todos os lados. Muitos atraídos por várias tradições, como as "famosas" enguias que podem ser provadas em restaurantes típicos que estão instalados no certame.

"É dos anos 30 a tradição das enguias de conserva. Isso terá que ver com o facto de nos anos 30 o peixe não chegar tão fresco quanto hoje porque a vida e as condições de mobilidade mudaram. As enguias da Murtosa têm em Viseu ainda hoje o seu grande destino de consumo", explica Jorge Sobrado, vereador da cultura no município e gestor da Feira de S. Mateus.

Uma visita ao evento "obriga" sempre a uma paragem nos stands de venda de farturas, "uma outra tradição secular da feira", e que este ano ganha outra comodidade, já que a zona de esplanadas foi requalificada.

Os visitantes da feira franca não dispensam o que comer, mas também uma "volta" pelos diversos expositores, onde se pode comprar de tudo um pouco, mas também pelas várias diversões.

"É imperdível feirar, feirar é esta mistura, um mix de experiências, o poder falar com um feirante que tem mais de 50 anos de feira, que vende os linhos do alto Minho ou as enguias da Murtosa. É poder assistir a um concerto numa grande noite de verão, num cartaz que tem a lusofonia como a sua marca", realça Jorge Sobrado.

Ludmilla, Natiruts, Gipsy Kings, Richie Campbell, Xutos & Pontapés, UHF, Pedro Abrunhosa e Mariza são alguns dos artistas que vão passar pelo evento, que este ano tem como tema "Viseu como Destino Nacional de Gastronomia em 2019".

Para além dos concertos, a programação do certame inclui um casamento, a 15 de agosto, naquela que é a primeira edição dos noivos de S. Mateus.

O evento que se assume como o "guardião das feiras populares do país" este ano está ainda mais amigo do ambiente. Para além dos copos plásticos, nesta edição são também erradicados os pratos e talheres plásticos.

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de