"O Fado devia chamar-se Amália." Lançado dueto inédito da artista com Jorge Fernando

Faz hoje 21 anos desde a morte de Amália Rodrigues. Uma das últimas gravações conhecidas da fadista é o tema "Ai Vida", com o músico Jorge Fernando, que agora podemos ouvir numa remistura.

Durante anos, Jorge Fernando acompanhou Amália, à guitarra, em vários palcos, mas nunca tinha ousado desafiar a diva para cantarem juntos. Acabaria por fazê-lo em 1996. Um dueto gravado no Alentejo e que nunca chegou a ser editado - mas que agora se dá a conhecer ao mundo, no novo disco do músico, que chegará em 2021.

O vídeo da remistura da canção, "Ai Vida", está agora disponível. As imagens de Amália foram filmadas em 1989, na casa de férias da cantora, no Brejão. O vídeo foi rodado no Estúdio 01 da Valentim de Carvalho, onde esta gravou grande parte da sua discografia.

O tema foi um dos momentos altos do concerto do último sábado, no Santa Casa Alfama, em Lisboa.
E foi por aí que começou a conversa de Nuno Domingues com Jorge Fernando. Nesta entrevista, o músico lembrou a história da gravação, que, entretanto, ficara escondida.

Celebra-se também, este ano, o centenário de Amália. Uma artista que é tão importante que até a canção deveria mudar de nome. "O Fado devia chamar-se Amália", defende Jorge Fernando.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de